COTAÇÃO 03/12/2021 - Euro (€) R$ 6.61 | Dólar (USD) R$ 5.88

COTAÇÃO 03/12/2021:
Euro (€) R$ 6.61 | Dólar (USD) R$ 5.88

X

DÚVIDAS FRENQUENTES

Na maioria dos trens europeus não existe limite de bagagens, mas é importante informar ao seu passageiro que ele viaje com o mínimo possível.
A comissão é de 6% sobre o valor do passe ou do bilhete de trem. Você pode reter sua comissão na hora do pagamento online ou optar por receber posteriormente.          

Em alguns trechos nos EUA e Canadá existe a possibilidade de despacho de bagagens (consulte-nos antes para saber se o percurso pretendido oferece esse serviço). Já na Europa, não há serviço de despacho de bagagens.

Por essa razão, sempre recomendamos que os passageiros viagem com o mínimo possível e apenas com o que puderem manusear/carregar sozinhos, pois os próprios passageiros são responsáveis pela acomodação de sua bagagem no trens.

Na maioria dos trens há um compartimento na entrada de cada vagão para acomodar as malas maiores, malas menores e bagagem de mão, podem ser acomodadas no compartimento que fica acima dos assentos ou abaixo da poltrona. Não é permitido deixar as malas no corredor ou em qualquer lugar que interfira na circulação.

Nos trechos de trens nos EUA e Canadá existem limites de bagagem específicos que podem variar de acordo com o tipo de trem ou tarifa adquirida. Na Europa, a maioria dos trens não impõe um limite obrigatório, porém existem algumas exceções que variam de acordo com o trem (consulte-nos antes para saber se o percurso pretendido se encaixa em alguma exceção).

Sim! Banheiros podem ser encontrados em todos os trens na Europa. Os banheiros são facilmente acessíveis em todos os trens e frequentemente marcados com as letras WC (Water Closet). Eles geralmente são encontrados na frente ou no fim de cada vagão e normalmente incluem uma pia, um vaso sanitário e uma porta com trinco.

 A diferença entre as viagens de trem de 1ª e 2ª classe é o nível de conforto e as instalações oferecidas (espaço entre as poltronas, decoração dos vagões e revestimento dos assentos). A maioria dos trens europeus têm vagões de 1ª e 2ª classe, mas muitos trens não têm distinção de classe.

Se você planeja viajar em trem de alta velocidade, panorâmico ou noturno, precisará de uma reserva, mesmo que tiver um passe de trem. As reservas de assentos são obrigatórias nestes trens e garantem a você um lugar no trem em que deseja viajar. A maioria dos trens oferecem tarifas reduzidas nas reservas, para os portadores de passe.

Ao viajar com um passe de trem, você precisará mostrar ao guarda do trem o seu passe. Certifique-se de que seu passe seja ativado antes de embarcar no trem. Para trens que exigem reservas, certifique-se de ter sua reserva válida pronta para mostrar ao guarda do trem também.

E por último, pode ser que o guarda do trem peça o seu passaporte, e então é melhor mantê-lo à mão. É importante também, ter sempre um caneta para anotar no passe o roteiro e os dias de utilização no passe, para que já esteja preenchido quando o fiscal passar para checar o passe no decorrer das viagens.

Um passe de trem pode ser adquirido de 6 a 11 meses antes do primeiro dia de viagem. Aconselhamos verificar as condições específicas de uso do passe em que você está interessado.

Um dia de viagem em um passe de trem é um período de 24 horas, das 00h00 às 23h59, durante o qual você pode fazer quantas viagens de trem desejar. Como os passes utilizam dias de calendário, viagens com 24 horas de diferença entre uma e outra, mas em dias diferentes, contam como dois dias de viagem.

Desde Janeiro de 2021, a maioria dos passes de trem passaram a ser on-line. Ou seja, não haverá mais a emissão do passe impresso e o viajante poderá acessar o seu passe de trem via aplicativo chamado Rail Planner.

Os passes de trem estão disponíveis para qualquer pessoa, exceto residentes da Europa, Reino Unido, Marrocos, Turquia ou qualquer um dos países da antiga União Soviética. Se você é residente desses países, não podemos vender nossos passes ferroviários, mas há outras opções semelhantes disponíveis para você, como o passe InterRail que poderá ser adquirido somente na Europa.

Para começar a usar o seu passe, vá até a bilheteria na estação antes de embarcar no seu primeiro trem e peça a um oficial do sistema de trens para inserir o primeiro dia e o último dia de validade no seu passe. Esse oficial também carimbará o passe, e você precisará apresentar o passaporte.

Alguns passes, oferecem bônus (descontos, excursões, entradas em museus, descontos para Ferry Boat, entre outros que podem ser checados através do aplicativo Rail Planner) utilizando o passe para obter desconto em qualquer atividades mesmo que neste dia nenhum deslocamento de trem seja utilizado, em caso de passe flexível, um dia de utilização do passe será contabilizado.

Não. Você pode fazer quantas viagens de trem desejar em um dia e usar apenas um dia, contanto que sua última viagem de trem chegue antes das 23h59, pois um dia de passe é contado das 00h00 às 23h59.

Um passe com validade contínua de 1 mês permite que você viaje de trem diariamente no período de 1 mês. Você não é obrigado, mas pode optar por viajar todos os dias durante esse período. A decisão é sua.

Por exemplo: se você ativar o seu passe em 10 de julho, você pode viajar de trem diariamente de 10 de julho a 9 de agosto.

Um passe com validade de 10 ou 15 dias em 2 meses significa que você pode escolher quaisquer 10 ou 15 dias de viagem dentro do período de validade de 2 meses. Esses dias de viagem são flexíveis, por isso você pode decidir quando usá-los enquanto viaja. O passe começa a valer a partir do seu primeiro dia de viagem.

Um passe com validade de 3, 4, 5 ou 8 dias em 1 mês significa que você pode escolher 3, 4, 5 ou 8 dias de viagem dentro do período de validade geral de 1 mês. Esses dias de viagem são flexíveis, por isso você pode decidir quando usá-los enquanto viaja. Escolha o passe com o número de dias de viagem mais adequado a seus planos.

Exemplo: você está planejando viajar para Itália e visitar Roma, Florença e Veneza, no período de 8 dias. Você não precisa de 8 dias no passe, pois os dias são contabilizados por deslocamentos entre as cidades. Ao invés disso, você pode comprar um passe de 3 dias em 1 mês, que é muito mais barato e adequado para a sua viagem.

Um passe flexível é válido para um número específico de dias de viagem a ser usado dentro do período de validade total do passe. Por exemplo, 15 dias de viagem de trem ilimitada para uso em um período de 2 meses. Com esse tipo de passe de trem, você pode escolher qualquer dia (não precisa ser consecutivo) para viajar dentro do período de validade do passe de trem.

Passes contínuos (ou consecutivos), como o Eurail Global Pass, são válidos para viagens de trem ilimitadas durante toda a duração do período de validade do passe. Em outras palavras, com um Eurail Global Pass de 15 dias, você pode viajar por 15 dias consecutivos de trem. Mesmo que você não pegue o trem todos os dias, esses dias serão considerados usados a partir da data da primeira utilização do passe.

 O período de validade de um passe de trem é o período em que você deve concluir suas viagens com seu passe de trem. Este período é calculado a partir da data carimbada no passe de trem pelo funcionário da ferrovia.

Com um flexi pass, esse período é definido como um determinado número de meses - normalmente um ou dois.

Com um passe diário (dias consecutivos), o período de validade é igual ao número de dias de viagem.

O passe e o bilhete de trem são dois tipos completamente diferentes de documentos de viagem.

O bilhete de trem é válido para uma única viagem entre duas cidades. Muitos bilhetes (tickets) também incluem uma reserva, o que significa que eles são válidos apenas para um trem específico, em uma data específica e em um determinado momento. 

Já o passe de trem, por outro lado, é bom para viagens em uma área geográfica inteira (1 país ou mais países). Com ele, você pode fazer quantas viagens de trem quiser dentro dessa área geográfica, pelos dias de viagem que comprou, dentro de um determinado período de tempo (o período de validade do passe).

Um passe de trem é um documento de viagem que lhe permite viajar em trens europeus em uma área geográfica específica (país/países), por um número específico de dias.


Ter um passe de trem não significa necessariamente que você pode subir em qualquer trem à vontade, dentro da área geográfica coberta pelo seu passe de trem. Dependendo do país, do tipo de trem e da rota, talvez seja necessário adquirir reservas de assento por um custo adicional.


Por último, os passes ferroviários estão repletos de benefícios adicionais, também conhecidos como bônus de passe ferroviário, que podem variar de compras com desconto em lojas a tarifas preferenciais em outros meios de transporte como ferries ou ônibus, descontos em diárias de hotel e entradas com descontos para museus, e muito mais.

Caso seu passageiro deseje fazer várias viagens de trem pela Europa, sem ter que se preocupar com horário, em geral o passe de trem é a melhor opção.

CLOSE
CLOSE